segunda-feira, 27 de junho de 2011

Prefeito James Gomes leva cidadania para zona rural

O prefeito James Gomes realizou neste último sábado dia 25 mais uma edição do projeto “Prefeitura na Comunidade”, dessa vez foram os moradores da reserva do ramal 75 de Boca do Acre que foram contemplados com o projeto.

O programa foi criado no inicio da administração James Gomes em 2009 e  já percorreu toda zona rural do município de Senador Guiomard, com atendimento médico, odontológico, emissão de carteira de trabalho, bolsa família, cinema, entrega de material escolar, distribuição de mudas, manicure, cabeleireiro e muita diversão para toda criançada.

A promessa feita pelo prefeito está sendo cumprida, mostrando o seu interesse em diminuir o sofrimento da população que vive distante da cidade, "em gestões passadas era impossível até tráfego de veículos, e hoje nós vemos aqui uma estrutura desse porte que para nós é uma grande vitória" concluiu o Sr Augustinho, morador do ramal. 

Segundo o prefeito James Gomes o projeto que é realizado mensalmente nas comunidades da zona rural tem como objetivo facilitar a vida do homem do campo e levar entretenimento e cidadania para zona rural. 


quinta-feira, 23 de junho de 2011

PT e seus crimes ainda não esclarecidos

Diversos crimes cometidos por nossos governantes ainda estão sem esclarecimento e ninguém foi ainda punido.

Só relembrando alguns:
1. O Mensalão, o maior esquema de corrupção jamais visto no Brasil. Por covardia, irresponsabilidade do Procurador Geral da União o Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva não foi indiciado como chefe da quadrilha. Este cargo foi exercido por José Dirceu.

2. O caso do dossiê falso, que agora sabemos, que Aluisio Mercadante foi o mandante. Até hoje não se divulgou a origem do um milhão e setecentos mil reais para a compra do dossiê falso.
3.  O caso Erenice - a formação de um balcão de tráfico de influência dentro da Casa Civil da Presidência da República, e extorsão de empresários para financiar a campanha de Dilma Rousseff.

4. O caso de Antônio Palocci, que em quatro anos aumentou sua fortuna pessoal em 20 vezes. Palocci deixou o cargo mas ficou com a fortuna.

Há dezenas de outros casos que precisam ser esclarecidos e os criminosos punidos. No entanto nada acontece. Políticos ficha suja são nomeados para altos cargos na república.

quarta-feira, 22 de junho de 2011

PSDB lança “agenda positiva” de planejamento para 2012

O Partido da Social Democracia Brasileira começou uma série de reuniões de chamada “agenda positiva” visando às eleições de 2012. As metas tucanas são ousadas e visam aumentar de 2 para 09 prefeitos, de 14 para 40 vereadores em todo o Estado.
O presidente da Regional Estadual, Tião Bocalom e o deputado federal Márcio Bittar se reuniram com os potenciais candidatos as eleições majoritárias e proporcionais do interior para anunciar os desafios. De 1994 até 2010, o partido cresceu sua votação em 46%.
- Os números e a vontade de mudança da população nos deixam bem otimistas. O Partido terá candidatura própria a prefeito na capital e em mais 11 municípios do Estado – disse Bocalom.
O presidente frisou a importância de formalizar acordos com os partidos do PMDB, DEM, PPS, PSL, PTdoB e PSC principalmente no interior onde a campanha acontece em um único turno. Bocalom ver com bons olhos o lançamento de mais de uma candidatura na oposição.
- Na capital como existem dois turnos, podemos lançar até mais de um nome de oposição, para se for o caso de segundo turno ser apoiado por todos – destacou.
Na agenda positiva esta confirmada a inauguração das novas sedes do PSDB em Assis Brasil, Brasileia e Capixaba.
Rocha defende unidade como fator principal
O deputado Major Rocha participou do encontro dos potenciais candidatos na sede do PSDB. Ele defendeu a unidade do partido como ponto principal da agenda positiva. Para o deputado líder dos tucanos na Assembleia, devem ser desprezadas neste momento todas as pretensões individuais.
- O projeto coletivo estar em primeiro lugar. Os candidatos passam e o PSDB fica. Portanto, é hora de chamarmos para compor aqueles que pensam no partido e não candidatura própria – frisou o Major Deputado.
Toinha Vieira disse que apoia o projeto
A deputada estadual Toinha Vieira reafirmou seu compromisso com o PSDB. Em Sena Madureira, Toinha colocou seu nome à disposição do partido, mas frisou que apoia outra candidatura se for o melhor para o projeto.
- Estamos dispostos a apoiar o projeto do partido. E em Sena nosso nome está a disposição não como uma imposição, queremos somar, sempre somar e nunca dividir – disse a deputada.
Da Assessoria/PSDB

terça-feira, 21 de junho de 2011

Eleições 2012 no Quinari está pegando fogo!!!

Pouco mais de um ano para as eleições 2012 e o clima já começa a esquentar no Quinari, novas lideranças sendo formadas, grupos se articulando e vereadores correndo de um lado para o outro em busca do tão precioso voto.

Veja mais sobre a política local aqui !  

sexta-feira, 17 de junho de 2011

James Gomes leva serviços da prefeitura aos bairros

A programação que conta com serviços, palestras e oficinas, contou com a presença do senador Sérgio Petecão. O prefeito James Gomes [PSDB] se emocionou ao abrir as atividades. Ele anunciou a pavimentação de 100% das ruas da região que fica na entrada da cidade. 
- Esse é um dos bairros que ficará como modelo de minha gestão. Aqui já inauguramos um Posto de Saúde, temos uma quadra de esportes, uma fábrica de Guaraná que gera emprego e renda, agora vamos pavimentar todas as ruas. Na próxima semana, estaremos colocando o primeiro tijolo dos 1.800 metros que serão urbanizados – garantiu o prefeito. 
O programa de urbanização em parceria com a prefeitura nos bairros, objetiva melhorar a qualidade de vida da população. Até dezembro, o município pretende atender mais de 5 mil pessoas da zona urbana.
Além dos serviços nas áreas de saúde, educação, meio ambiente, cultura, geração de renda entre outros, pela tarde, o prefeito atende a população através de seu gabinete intinerante. O senador Petecão elogiou a postura do executivo.
- O prefeito James larga o seu gabinete e vem para o meio do povo. Está no caminho certo. Eu estou aqui para prestigiar sua atitude e colocar o meu gabinete à disposição da população de Senador Guiomard – disse Petecão.
Continue lendo aqui

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Deputada Antônia Lúcia e seu marido Silas Câmara são chamados para depor nesta sexta-feira


A deputada federal Antônia Lúcia Câmara (PSC), e seu marido deputado federal pelo Amazonas Silas Câmara (PSC), foram chamados a prestar depoimento ao juiz eleitoral da 65ª Zona Eleitoral, Marcos Santos Maciel, na manhã de sexta-feira (17), na sede do Fórum Eleitoral, localizado na Avenida André Araújo, bairro Aleixo, zona centro-sul, Manaus.


A audiência de testemunhas de defesa, convocando Silas, sua mulher e outras três pessoas foi publicada no edital 02/2011, divulgado na edição 104 do último dia 13 do Diário de Justiça Eletrônico do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM). O processo é referente à Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) 178782.2010.601.0000, classe 3, protocolada em novembro de 2010 pelo Ministério Público Eleitoral do Acre (MPE-AC) na Justiça Eleitoral acreana, contra o deputado federal e a mulher dele.


A Aije do MPE-AC pede a inelegibilidade de Silas e de Antônia Lúcia por abuso de poder econômico nas eleições do ano passado. Se forem condenados, os dois parlamentares podem ser cassados. A Procuradoria Eleitoral do Acre argumenta que foi Silas quem enviou para Antônia Lúcia, sem declarar à Receita Federal, R$ 472 mil apreendidos pela Polícia Federal (PF) em Rio Branco (AC), no dia 9 de setembro. Na época, a mulher de Silas estava em campanha eleitoral.
O dinheiro não declarado foi apreendido com um homem de nome não revelado, no dia 8 de setembro. Ele confessou à polícia que o dinheiro era oriundo do Amazonas e deveria ser entregue no Acre à Fundação Rede Boas Novas, da qual Antônia Silva é sócia. Em depoimento à polícia, Antônia negou que o dinheiro seria usado na campanha e afirmou que o recurso foi doado por um comerciante do Amazonas para obras sociais.
Ações
Antônia responde a sete ações no Acre: compra de voto, falsidade ideológica, fraude processual, formação de quadrilha, peculato, uso de caixa dois e falso testemunho. Um pedido de prisão preventiva chegou a ser aprovado em 2010. Os desembargadores entenderam que ela tinha fornecido endereço falso para se livrar de intimações e atrasar processos.

Além de ser alvo da Aije protocolada pelo Ministério Público acreano, o deputado federal Silas Câmara é réu, há dez anos, em um processo que corre em segredo no Supremo Tribunal Federal (STF). Em 2009, também foi denunciado por falsidade ideológica e uso de RG falso em procurações e alterações de contratos sociais.
Câmara também é acusado de se apropriar de parte ou totalidade dos salários de seus assessores de gabinete, contratar funcionários ‘fantasmas’ e servidores que também tinham vínculo com a Assembleia Legislativa do Estado (ALE), em Manaus.
No início do ano, a Polícia Federal (PF) instaurou um inquérito criminal para investigar se os recursos federais destinados à Fundação Boas Novas nos últimos dez anos, vem sendo utilizados para promover as campanhas eleitorais de Silas. Segundo o inquérito, durante esse período, a fundação recebeu quase R$ 9 milhões em emendas propostas pelo próprio parlamentar e aprovadas na Câmara Federal.
Fonte : D24hs AM 

sábado, 11 de junho de 2011

Prefeitura do Quinari inicia operação tapa buracos

A prefeitura do Quinari está realizando nesta semana a operação tapa buracos nas ruas da cidade. As obras tiveram início nesta quinta feira, 09, e o asfalto para o serviço foi adquirido com recurso próprio. 

A realização do trabalho é feita pelos os servidores da Secretaria Municipal de Obras, que estão na ativa para cumprirem o cronograma, melhorar a situação das ruas e garantir a boa trafegabilidade na cidade.

A ação começou na entrada da COHAB e vai atender as ruas por onde passa o ônibus da linha.
A prefeitura pretende atender com a atividade todas as ruas que necessitam de manutenção, mas há lugares que precisam de assistência emergencial.

Segundo o Prefeito James Gomes o objetivo é que todas as ruas do Quinari tenham melhores condições e boa pavimentação.



ASCOM

sábado, 4 de junho de 2011

Manifestantes reivindicam sinalização e fecham BR-317 sentido Boca do Acre

Moradores do Assentamento Baixa Verde na BR-317 estrada de Boca do Acre, colocaram fogo em pneus e galhos de árvores bloqueando a BR-317 em protesto contra o alto índice de atropelamentos na região e pedem sinalização e colocação de  tartarugasquebra-molas, redutores, etc.


Segundo os moradores já se perderam as contas de quantos cachorros foram atropelados nesse trecho e o que mais preocupa é quando as crianças dessem do ônibus escolar e cruzam a BR com o fluxo de veículos em alta velocidade que já vitimou várias crianças nos últimos meses, a última vítima foi uma criança de 4 anos atropelada ontem e encontra-se no pronto socorro em estado grave. 
Policiais Militares estiveram no local, mas os moradores só liberaram a BR com a chegada da Polícia Federal, que se comprometeu em levar a reivindicação para o órgão responsável DNIT (Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes), o engarrafamento chegou a 3 km


 Imagens e Texto: Maykon Sales

sexta-feira, 3 de junho de 2011

Ex-prefeito de Senador Guiomard Marezia Batista é condenado por dano ao meio ambiente

O ex-prefeito do município de Senador Guiomard, Francisco Batista de Souza, mais conhecido como Marezia, foi condenado por provocar dano ao meio ambiente no ano de 2003 (processo nº 0000404-21.2003.8.01.0009). A decisão foi proferida na última segunda-feira (30) pela Juíza Larissa Pinho, na Vara Criminal da Comarca de Plácido de Castro.
Conforme denúncia do Ministério Público, Francisco Batista de Souza, no exercício do cargo de prefeito, ordenou que o lixo coletado na cidade fosse depositado nos fundos de uma escola municipal e nos fundos de uma fábrica de pescado. Este fato, de acordo com o MP, concorreu para a geração de grandes danos ao meio ambiente e à população.
O relatório técnico de vistorias apresentado pelo MP indica que o lançamento de resíduos dentro do perímetro urbano – próximo à Escola de Ensino Fundamental Brigadeiro Eduardo Gomes e Escola Lupicínio Alexandre Nunes – ocasiona a proliferação de moscas, baratas e ratos, que são focos de doenças, assim como a contaminação do solo, das águas e do ar, tanto pela queima como pelo desconforto ocasionado pelo forte odor da decomposição dos resíduos.
Em sua defesa, Francisco Batista alegou que à época era vice-prefeito, e quando o prefeito faleceu, foi empossado em seu lugar. O lançamento dos resíduos estavam sendo feitos com autorização do ex-prefeito e, quando tomou conhecimento da situação, tratou de providenciar o despejo no lixão do município, localizado na Rodovia AC-40, em local afastado da cidade.
O ex-prefeito argumentou que o MP acusou somente ele de jogar os referidos lixos, quando deveriam ser penalizados os gestores anteriores, e não apenas o que acabou de assumir a administração do município.
No entendimento da Juíza, entretanto, a alegação de que os outros gestores cometiam tais atos anteriormente não afasta sua condenação. Ao contrário, demonstra seu dolo de continuar a praticar uma conduta vedada pelo ordenamento jurídico, prejudicando a sociedade e o meio ambiente.
Na decisão, a Magistrada afirmou que cabe ao gestor público a responsabilidade por todos os atos omissivos e comissivos que estão dentro de suas atribuições. Sendo assim, ela avalia que não cabe ao prefeito imputar a responsabilidade exclusiva aos prefeitos anteriores, quando na sua gestão ele tinha o dever legal de fiscalizar o local onde eram despejados os resíduos da coleta de lixo.
Com a condenação, por improbidade administrativa, Francisco Batista de Souza deverá reparar o dano que causou, restaurando integralmente as condições primitivas do solo e todos os elementos
naturais depredados. Também pagará multa civil no valor de 10 mil reais e terá seus direitos políticos suspensos pelo período de três anos.

Idosa e bebês são mortos por ratos gigantes


Uma menina de 3 anos, um bebê e uma mulher de 77 anos foram atacados e mortos por ratos gigantes - que chegam a medir um metro. Lunathi Dwadwa, de 3 anos, foi encontrada por seus pais sem os olhos. Ela foi atacada pelos roedores enquanto dormia no chão de sua casa na comunidade de Khayelitsha, em Cape Town, na África do Sul. 
A segunda criança morta pelos animais foi um bebê. Ele estava sozinho em casa, enquanto sua mãe adolescente estava fora com amigos. A jovem foi presa e acusada de homicídio e negligência.
As duas mortes fazem parte de uma onda de ataques que assusta os moradores de Cape Town. Os bichos também não pouparam os adultos e mataram uma mulher de 77 anos. Nomathemba Joyi não resistiu depois que os animais roeram todo o lado direito do seu rosto.
Os ratos responsáveis pelas  mortes pertencem a uma espécie rara existente na África e são os maiores do mundo. Com até um metro de comprimento, seus dentes medem 3 cm. Os bichos costumam agir à noite e se alimentam de animais e vegetais (são onívoros).
As informações são do jornal The Sun.